Ações que inspiram

Magazine Luiza cria disque-denúncia para funcionárias

A empresária Luiza Helena Trajano, presidente do Conselho de Administração do grupo Magazine Luiza, conta que decidiu criar esse canal de comunicação para evitar que mais funcionárias sejam vítimas de seus companheiros

Como forma de incentivar denúncias e combater a violência contra a mulher, a rede de lojas Magazine Luiza criou um disque-denúncia para suas funcionárias.

Em vídeo, a empresária Luiza Helena Trajano, presidente do Conselho de Administração do grupo Magazine Luiza, conta que decidiu criar esse canal de comunicação para evitar que mais funcionárias sejam vítimas de seus companheiros.

Segundo Luiza, a medida veio porque, em julho deste ano, a gerente do Magazine Luiza de um shopping de Campinas, Denise Neves dos Anjos, foi assassinada pelo marido, José Huilia da Silva, 46, que se matou em seguida.

“Achei que situações assim estivessem muito longe de nós, mas fiquei muito assustada. Não quero mais me omitir e quero que essas mulheres se sintam encorajadas a denunciar, por telefone ou e-mail”, explicou.

Em três meses desde sua criação, o disque-denúncia para colaboradoras da rede já registrou 32 denúncias de agressão. Após a queixa, as mulheres recebem respaldo jurídico e psicológico da empresa para que os casos cheguem às autoridades.

Continue lendo

Letícia Bezerra

Psicóloga, apaixonada por psicologia do trabalho e organizacional, possui experiência em endomarketing, implantação de gestão por competências, R&S e T&D. Acredita no modelo integrado de gestão, e na parceria entre as áreas, funcionários e empresa

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close